PRÉMIOS

A culpa é destas liberdades

SINOPSE: No prefácio, da autoria de Manuel Pavão, a obra é resumida da seguinte forma: «A culpa é destas liberdades é um surpreende livro de sátira política e de costumes, pontuado por um humor subtil e inteligente, que desde a primeira página agarra o leitor. Agarra-o, porque se de início o incrível discurso do personagem criado por João Cerqueira espanta, sobressalta e indigna, aos poucos, consoante o leitor se apercebe do logro para o qual foi atraído, a mais que provável hostilidade contra o texto dá lugar a um desejo intenso de seguir os raciocínios desvairados, delirantes e deliciosamente absurdos com que é brindado. Os destrambelhados argumentos em defesa da prostituição e do alcoolismo, da associação da droga ao actual regime e as dissertações pacóvias sobre a arte moderna são bons exemplos dessa capacidade rara de ironia demonstrada pelo autor»

EXCERTO

CRITICAS

COMPRAR

ESGOTADO